Mudanças na Lingua Portuguesa

 
Comentar
Tweetar
Share on Tumblr

A língua portuguesa é uma língua muito complexa uma das mais difíceis de mundo, nossa língua é repleta de regras e concordâncias e para facilitar o seu entendimento foi estabelecido uma nova ortografia que será obrigatória a partir do ano de 2012.
E para que você se informe e já comece a mudar a sua escrita, nós trouxemos as mudanças que ocorreram.

Para começar vamos falar da quantidade de letras que o alfabeto possui o que antes era formado por 23 letras mais as composições das letras especiais que são K, W, Y, agora essas letras foram oficialmente incluídas dentro do alfabeto e, portanto nosso alfabeto agora possui 26 letras.

O uso do trema em palavras “aportuguesadas” não existe mais, como exemplo temos linguiça, aguentar, pinguim entre outras só permanece o trema em palavras estrangeiras como nomes próprios e seus derivados, a exemplo temos Müller, Citroën, entre outras.

Quantos aos acentos, foram tirados das palavras que são classificadas como ditongos abertos em ei e oi de palavras paroxítonas como, por exemplo, ideia, plateia, assembleia, só permanecem os acentos de palavras oxítonas e monossílabos tônicos de som aberto como, por exemplo, chapéu, ilhéu, céu.

Não se acentua mais palavras hiato ee e oo como per exemplo nas palavras creem, leem e voo, enjoo. Não se acentua mais palavras com “u” seguidas de “g” e “q” como pro exemplo argúi ficará argui, enxagúe ficará enxague.
Não se acentua “i” e “u” tônicos em palavras que são paroxítonas e seguidas de ditongo exemplo baiúca – baiuca, feiúra – feiura.

Não usa mais hífen para palavras terminas em vogal e a seguinte começada com “s” e “r”, haverá uma junção das duas palavras e dobrará o “s” ou o “r” como, por exemplo, ante – sala ficará antessala, auto – retrato ficará autorretrato, ultra – sonografia ficara ultrassonografia, ultra – romântico ficará ultrarromântico.

Quando terminadas em vogal e a outra palavra for uma vogal diferente também não se emprega mais o hífen sendo assim auto – afirmação se escreverá autoafirmação, contra – indicação será contraindicação.
Só ria usar hífen quando a primeira palavra terminar em vogal e a segunda palavra tiver uma vogal igual, exemplo microônibus ficará micro – ônibus, antiinflamatório ficará anti – inflamatório.

A melhor coisa a se fazer é procurar se informar mais e ficar por dentro de todas as novas regras estudando.

GD Star Rating
loading...
Tweet

Comentar
Tweetar
Share on Tumblr

 

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook