Economia do Brasil em 2009


 

Economia do Brasil em 2009

O ano de 2009 não foi um dos melhores para o país, porém também conseguiu passar pela crise econômica que afetou o mundo inteiro. A crise que se alastrou em todo o mundo não chegou muito forte ao Brasil. Ela poderia ter afetado vários campos do mercado consumidor, porém como o Brasil estava forte deu para não deixar com que a crise fosse mais forte do que a nossa economia. O país tem um mercado livre e exportador e que com isso faça com que a nossa economia cresça e juntamente com isso tem efeitos no PIB, Produto Interno Bruto.

Com a crise sofrida em 2002 o Brasil após a ela somente vem crescendo e também com o real se valorizando frente a frente com o dólar. A inflação do Brasil é controlada, sem muitos altos e baixos. Em 2007 com quase tudo renovado novamente, a economia quase toda estabilizada começaram a surgir diferenças entre as pessoas pobres e as pessoas com a classe de pessoas mais ricas, e também entre a maioria das pessoas que se consideram urbanas e rurais.

Com isso o Brasil ficou meio parado, pois para consertar o que as pessoas estavam fazendo umas com as outras necessitava de uma melhor infra-estrutura do país e melhora-la, teriam que modernizar os impostos, reduzir a desigualdade de renda e também modificar as leis de trabalho. Atualmente isso se reduziu e o país tem uma economia baseada na indústria e agricultura. O previsto era que subisse 5% da economia de 2008 para 2009.

GD Star Rating
loading...
Tweet

Comentar
Tweetar
Share on Tumblr



 



Tags: ,

Mais informações por email

Deixe uma resposta