A morte do cantor Dominguinhos

Confira a morte do maior músico de todos os tempos, Dominguinhos, aquele que deu continuidade ao grande trabalho de Luiz Gonzaga.

A morte do cantor Dominguinhos

Dominguinhos era considerado o melhor e mais importante sanfoneiro do país. O seu nome era José Domingos de Morais, nascido em Garanhuns em Pernambuco.

                       

É considerado o herdeiro artístico de Luiz Gonzaga. Dominguinhos conheceu o mesmo quando tinha apenas 8 anos e aos 13 anos ganhou um dos melhores presentes que poderia receber, ele ganhou uma sanfona de Luiz Gonzaga.

Dominguinhos foi premiado com o Grammy Latino no ano de 2002 e ao longo de sua carreira, fez parceria com Anastacia, Djavan, Gilberto Gil e Chico Buarque.

Ficha técnica

Nome completo: José Domingos de Morais
Nascimento: 12 de fevereiro de 1941
Origem: Garanhuns-PE
Afiliações: Luiz Gonzaga, Elba Ramalho
Data de morte: 23 de julho de 2013, morreu com 72 anos
Local de morte: São Paulo, Brasil
Gêneros: baião, bossa nova, choro, forró, xote, jazz
Instrumento: Acordeão

Internação de Dominguinhos

Dominguinhos ficou internado e a sua mulher, Guadalupe levava um aparelho de som com músicas do próprio Dominguinhos na UTI para ele ouvir e músicas de outros cantores que ele gostava, como Frank Sinatra.

Morte de Dominguinhos

A morte do cantor Dominguinhos 3

Dominguinhos morreu nesta terça-feira, dia 23 no Hospital Sírio-Libanês, aos 72 anos. Ele vinha sofrendo com câncer de pulmão há seis anos e lutava contra o mesmo.

O hospital informou que Dominguinhos morreu às 18 horas por conta de complicações infecciosas e cardíacas. Dominguinhos estava com insuficiência ventricular diabetes e arritmia cardíaca.

Quando descobriu a doença, os médicos disseram que Dominguinhos teria apenas de 6 a 8 meses de vida, mas ele resistiu por quase sete anos.

Velório de Dominguinhos

A morte do cantor Dominguinhos 2

O corpo do músico foi velado nesta quarta-feira, dia 24 na Assembleia Legislativa de São Paulo e o corpo seguiu de avião para Recife as 23h10. Na quinta-feira, dia 25, será velado na Assembleia
Legislativa do Estado de Pernambuco e deverá ser enterrado na sexta-feira, dia 26.

Participação de Dominguinhos no Centenário de Gonzagão

Dominguinhos se dedicou as celebrações de 100 anos desde o nascimento de Luiz Gonzaga. Dominguinhos foi além, onde Luiz Gonzaga certamente gostaria de ter ido.

Não existirá outro Dominguinhos

Nenhum voto, seja o primeiro
Tweet

Tweetar
Share on Tumblr


Fabiano
25/07/13


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook